segunda-feira, 31 de outubro de 2011

No dia do seus anos . Homenagem a Carlos Drummond de Andrade.


CERÂMICA

Os cacos da vida, colados, formam uma estranha xícara.
Sem uso,
ela nos espia do aparador.
In José & Outros
José Olympio, 1967

BAHIA
É preciso fazer um poema sobre a Bahia...

Mas eu nunca fui lá.
In Alguma Poesia
Edições Pindorama, 1930
 
COTA ZERO
Stop.
A vida parou
ou foi o automóvel?
In Alguma Poesia
Edições Pindorama, 1930
 
[CEMITÉRIO] DE BOLSO
Do lado esquerdo carrego meus mortos.
Por isso caminho um pouco de banda.
In Fazendeiro do Ar
José Olympio, 1954



Nenhum comentário:

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Praia Grande , Big Beach. , SP, Brazil
Historiadora por profissão. Escritora por destino .Viajante no mundo por acaso. Fotógrafa amadora por paixão.