segunda-feira, 2 de maio de 2011

Dia da Memória . Homenagem as vítimas do Holocausto.

Uma das grandes emoções que já vivi foi ter conhecido o museu das vítimas do Holocausto em Praga.Os nomes  escritos nas paredes eram milhares . Foi impossível conter as lágrimas . Aquelas pessoas foram vítimas da intolerância religiosa , do racismo e da prepotência de um regime político. Infelizmente nos dias de hoje o mundo não está vivendo um período muito diferente. 
O fragmento poema que transcrevo abaixo é do poeta brasileiro Eduardo Alves da Costa. Sempre foi erroneamente atribuído a Brecht ou Maiakóvisk talvez por ser dedicado a esse poeta russo. É um alerta que mostra que nossa  omissão pode nos transformar em  cúmplices dos crimes e também nas próximas vítimas. Lembro do filme O Ovo da Serpente baseado numa obra de Brecht e dirigido pelo gênio Ingmar Bergman . As vezes acho que alguns filmes deveriam fazer parte do currículo escolar obrigatório do nossos estudantes.  


No caminho, com Maiakóvski
Assim como a criança
humildemente afaga
a imagem do herói,
assim me aproximo de ti, Maiakóvski.
Não importa o que me possa acontecer
por andar ombro a ombro
com um poeta soviético.
Lendo teus versos,
aprendi a ter coragem.

Tu sabes,
conheces melhor do que eu
a velha história.
Na primeira noite, eles se aproximam
e roubam uma flor
do nosso jardim.
E não dizemos nada.
Na segunda noite, já não se escondem:
pisam as flores,
matam nosso cão,
e não dizemos nada.
Até que um dia,
o mais frágil deles
entra sozinho em nossa casa,
rouba-nos a luz, e,
conhecendo nosso medo,
arranca-nos voz da garganta.
E já não podemos dizer nada.(...)

Nenhum comentário:

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Praia Grande , Big Beach. , SP, Brazil
Historiadora por profissão. Escritora por destino .Viajante no mundo por acaso. Fotógrafa amadora por paixão.